Quando descobrir por que as traças gostam tanto do seu guarda-roupa, vai ficar chocada!

Sabe quando você vai pegar aquela roupa no armário, para usar naquele compromisso importante, e a roupa está cheia de furinhos? Pois a sua roupa virou comida de traças. Mas elas não gostam só de roupas, elas devoram também livros, documentos e outros bens. Se elas incomodam você, que tal saber algumas coisas sobre as traças? Aprenda também a eliminá-las com 3 remédios caseiros.

O que é a traça?

Há dois tipos de insetos que são chamados de traças: Thysanura e Lepidoptera. O primeiro é a traça dos livros. O segundo é aquele que fica pendurado na parede dentro de uma casquinha, em forma de larva, e depois se transforma em mariposa. Cada uma delas tem as suas características, mas ambas gostam de lugares úmidos e escuros.

Para diminuir a incidência de traças em sua casa, você pode adotar medidas preventivas. Abaixo,, listamos algumas coisas que você precisa saber sobre esse tipo de inseto devorador de roupas e outros objetos para poder evitá-las.

Há 3 tipos de traças

O primeiro deles é a traça dos livros, que tem uma coloração acinzentada. Essa traça não tem asas. Com antenas nas pontas, parece uma barata pequena. O que ela gosta de comer é o amido presente nos tecidos de cortinas e lençóis, nas roupas engomadas e na cola do papel de parede.

Essa traça é a grande inimiga das bibliotecas e dos documentos arquivados, pois ela come o papel, a cola da encadernação e a tinta das letras impressas. Ela pode viver meses sem se alimentar.

A segunda traça é a traça das roupas. É comum encontrá-la dentro do casulo, onde ela se alimenta e completa a metamorfose, virando uma mariposa. O estágio larva-casulo é o mais perigoso de todos, pois é quando ela devora vários tipos de materiais que contenham queratina, encontrada em tecidos de origem animal, como o algodão, o couro e a lã. O seu local preferido é dentro do guarda-roupas, onde se banqueteia. Depois, ela migra para fissuras na parede e fresta de móveis, onde termina de se transmutar à fase adulta, onde ela dura poucos dias como mariposa.

Por último, temos a traça dos produtos armazenados, que se reproduz no arroz, trigo e outros grãos. Essa traça é o terror das indústrias de alimentação. Ela gosta de cereais, biscoitos, frutas secas, achocolatados, leite em pó e farinha. Por isso é importante conservar os mantimentos em vidros e potes herméticos.

A sua roupa nova pode ter ovos de traças

Afinal, como esses bichinhos entram na nossa casa? Eles podem ser transportados em objetos, como um livro antigo, um pacote de cereal ou uma peça de roupa. Ou então, eles podem entrar voando, em forma de mariposa, colocar os ovos e daí começam a proliferar.

Para evitar a proliferação das traças, você deve adotar algumas medidas preventivas:

  • Lavar as roupas novas antes de usá-las, pois podem estar contaminadas com ovos de traça.
  • Não guardar roupas usadas, pois elas são atraídas por pelos, restos de pele e suor, pois se alimentam desses detritos.
  • Instalar telas de proteção nas janelas para evitar que mariposas invadam sua casa.
  • Manter os livros, jornais e revistas em prateleiras afastadas da parede.
  • Abrir as janelas e permitir uma boa insolação de sua casa, pois a luz do sol afugenta as traças.
  • Zelar pela limpeza do ambiente, dando atenção especial aos cantos escuros e úmidos.
  • Higienizar aqueles locais onde o pano não alcança, como frestas no assoalho, rodapés e quinas de móveis com o aspirador de pó.

A traça é nojenta, mas relativamente inofensiva

Sabe quando você vai abrir um pacote de farinha e ela não está toda soltinha, apresentando teias e partes mais emboladas? Pode ter certeza que por ali andaram traças. É a saliva delas que embolota tudo. Descarte esses alimentos e passe a guardar tudo em potes e vidros herméticos.

O grande mal que as traças fazem são os danos materiais, pois não há registros que esse tipo de inseto transmita doenças às pessoas. O que elas causam é uma grande chatice por destruírem coisas que você gosta, que podem ter um valor sentimental muito maior que o valor material.

#4. Como eliminar as traças

Adote os cuidados preventivos, que ajudam muito a controlar esse tipo de praga. O bom mesmo é pedir ajuda a um profissional.

Isso porque a pulverização com domissanitários é o único modo eficaz de eliminar os focos de infestação, principalmente se você vive em edifícios. Esse procedimento impede que os invasores se instalem no seu lar, criando uma barreira de proteção.

No entanto, é bom lembrar que somente empresas licenciadas podem administrar esses antídotos com segurança. Se você estiver sem dinheiro, pode tentar as soluções caseiras abaixo:

Vinagre: misture 250 ml de vinagre branco com 250 ml de água e depois passe essa solução com um pano limpo por dentro do seu armário de roupas. Primeiro, é claro, você vai ter que retirar todas as roupas de dentro.

Limão: espalhe cascas secas de limão por dentro do armário, que o cheiro impede que elas cheguem perto de roupas e livros. Mas troque as cascas a cada duas semanas pois elas perdem o cheiro e ainda podem apodrecer.

Cravo-da-Índia: ferva 20 cravos em uma xícara de água e, a seguir, retire os cravos e adicione uma xícara de álcool. Feito isso, coloque num borrifador e diga adeus às traças.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.