50% dos casos de câncer de cólon podem ser evitados se as pessoas fizerem estas 9 coisas!

O câncer de cólon ocupa a terceira posição no ranking dos tumores que mais afetam a população no Brasil, com mais de 40 mil novos casos registrados em 2020.

É um tumor que poderia ser evitado se as pessoas tivessem uma alimentação saudável e bons hábitos regulares, evitando o tabaco e as bebidas alcoólicas.

Dietas ricas em carnes processadas, carnes vermelhas e carnes submetidas a um calor intenso, como a carne de churrasco, são dos fatores de risco do câncer do cólon.

Sinais e sintomas do câncer de cólon

Geralmente o câncer não apresenta sintomas nos estágios iniciais, mas, conforme vai progredindo, o tumor pode causar sangramentos e obstruções intestinais. Os sintomas mais frequentes do tumor do cólon são:

  • Sangue nas fezes
  • Dores na hora de evacuar
  • Falta de apetite
  • Perda de peso sem razão aparente
  • Prisão de ventre ou diarreia que não passam

Acredite: 50% dos casos poderiam ser evitados se as pessoas tomassem algumas medidas essenciais.

É preciso, por exemplo, ter uma alimentação equilibrada, consumir vegetais, alimentos com fibras, manter-se no peso ideal.

Sem falar que é preciso evitar alimentos refinados bem como comidas industrializadas.

Há uns anos atrás, a notícia caiu como uma bomba: segundo a Organização Mundial de Saúde (OMS), a carne processada, por exemplo, é uma das grandes responsáveis pela causa de câncer no cólon.

As estatísticas médicas indicam que apenas 5% ou 10% dos casos de câncer de cólon são resultados da genética.

A má alimentação é culpada por 35% dos casos, o tabaco fica com 30% e, por fim, 20% tem a causa nas infecções.

Foi pensando nisso que selecionamos uma lista de nove medidas que devem ser evitadas para evitar o surgimento do câncer do cólon.

1. Comer mais frutas e vegetais

Pelo seu poder anti-oxidante, os vegetais ajudam a reduzir o risco de tumores no cólon. Comer ameixa é um excelente remédio preventivo, pois ela impede a proliferação de bactérias intestinais.

2. Comer mais fibras

Um estudo publicado em 2005 concluiu que 10 g de fibra adicionadas à dieta diminuem em 10% o risco de desenvolver o tumor.

3. Otimizar os níveis de vitamina D

A carência dessa vitamina, essencial para a saúde em geral, deixa as pessoas mais propensas a desenvolver o câncer de cólon. Consuma suplementos da vitamina e tome moderados banhos de sol regularmente.

4. Evitar carnes processadas (embutidos)

Você não imagina a montanha de substâncias químicas contidas na carne processada. Salsicha, bacon, salame, presunto, hambúrguer e pepperoni são os grandes vilões.

5. Diminuir o consumo de carne vermelha

Segundo o mesmo estudo, os consumidores de carne vermelha possuem maior risco de desenvolver câncer de cólon. O problema não é a carne em si, mas o seu preparo e a sua procedência. Por exemplo, os bovinos criados em cativeiro são alimentados com gramas cheias de glifosfato, um poderoso inimigo das boas bactérias que temos nos intestino.

6. Praticar exercícios

A prática de atividade física regular evita entre 30 a 40% os riscos de desenvolver câncer de cólon. Isso porque ela neutraliza os agentes patogênicos do organismo, melhora a circulação das células através do sangue, além de destruir as células pré-cancerosas, impedindo-as de se desenvolverem. Além disso, provoca um aumento da imunidade do corpo.

7. Manter um peso saudável

Os estudos comprovam que pessoas com excesso de peso têm mais chances de sofrer com o câncer.

8. Não fumar e limitar o álcool

Algumas bebidas alcoólicas são cheias de produtos químicos perigosos. No entanto, se for consumido com moderação, o álcool pode fazer parte da dieta. Por exemplo, os médicos já descobriram que beber uma taça de vinho faz bem para a saúde.

9. Comer alho

O alho é um grande inimigo das células cancerosas. Inclua ele na sua dieta para diminuir em mais de 30% suas chances de desenvolver câncer de cólon.

Para melhorar significativamente o sistema imunológico, uma dica é consumir água de alho durante seis meses.

A partir dos 50 anos, as pessoas têm maior chance de desenvolver câncer de cólon, por isso, recomenda-se fazer exames de rotina.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.